O que é Xamanismo?

Um xamã é geralmente considerado como um curandeiro, bem como um mediador entre a realidade quotidiana – ordinary reality (OR) - e o mundo espiritual, a chamada realidade não-comum (NOR). Ele / ela é um perito a comunicar com os espíritos ajudantes mudando sua consciência quotidiana para um estado alterado e "viajando" pela NOR para recuperar o poder e a informação para seus clientes e tarefas.

O xamanismo tradicional é um complexo de crenças e comportamentos incorporados numa variedade de culturas. Os xamãs são distinguidos de outros curandeiros, médiuns e diferentes praticantes religiosos. Estes critérios são úteis:

- Normalmente, os xamãs têm contato direto com entes espirituais.
- Controle estrito de um ou mais espiritos. Os espíritos não usurpam ou "controlam" a consciência do xamã sem a sua permissão.
- Controle de um estado alterado de consciência (o xamã determina quando entrar e quando deixar o estado alterado).
- Eles concentram-se mais no mundo material "normal" do que na busca da iluminação pessoal.
- A capacidade para o "vôo mágico da alma", isto é, a viagem xamânica.

A comparação dos dados das culturas tribais mostra um padrão cosmológico. Em geral, os xamãs experimentam três mundos: O Mundo de Cima, o Mundo Baixo e o Médio. O mundo superior e inferior são o reino dos espíritos compassivos e aliados do xamã.

Os Seminários da FSS em Portugal são orientados pelo formador Luís Gonçalves Louro

Para conhecer o calendário visite:

Página atualizada em Agosto.2018